5 aprendizados dos relacionamentos

June 13, 2018

O dia dos namorados já terminou, mas sempre é tempo de a gente pensar um pouco sobre o que significa estar em um relacionamento amoroso.

 

Quem fez a escolha de dividir sua vida com um outro alguém sabe bem como cada dia é um aprendizado, um desafio e que muitas vezes a gente faz e diz coisas que nos arrependemos – e também que nos orgulhamos, claro!

 

Li há alguns dias um artigo da equipe do Tony Robbins sobre os 5 aprendizados de um relacionamento (que você pode ler também clicando aqui, está em inglês) e achei legal para compartilhar (com algumas adaptações). Olha só:

 

Ter compaixão

É importante dar prioridade ao seu amor – e não a você, especificamente, todo o tempo! Esse aprendizado diz respeito à ideia da compaixão, da sororidade, de se sentir realmente ligada à vida de outra pessoa, o que inclui tristezas e alegrias. É sair da posição de observadora e crítica, para então passar a realmente entender e a sentir como seu(sua) parceiro(a), o que abre portas a um outro nível de intimidade (sentimental, sexual, psicológica...).

 

Ter coragem e vulnerabilidade

Estar presente nos momentos de maior dificuldade e dor do seu(sua) parceiro(a) é um mega desafio. Mas não é estar presente apenas fisicamente, mas sim presente por completa – oferecendo seu amor e sua total atenção quando a pessoa mais precisa. A ideia é que ambos tenham a possibilidade de trocar constantemente de papel: quando um se sente vulnerável, o outro está lá para oferecer coragem, e vice-versa.

 

Saber se expressar

Toda vez que a gente tenta dizer para a outra pessoa que algo nos incomoda, é muito difícil nos expressarmos de uma maneira livre de críticas e de acusações. Saber fazer isso é quase uma arte, mas a melhor maneira de dizer que algo está errado sem causar um problema ainda maior é tentar abrir nosso coração de maneira espontânea, mas ainda objetiva, focando em resolver o problema, e não em simplesmente despejar a dor por aí.

 

Se amar

Para que um relacionamento funcione, é essencial ter confiança no seu(sua) parceiro(a) – isso todo mundo já sabe. Porém, para conseguir confiar em uma pessoa, o primeiro passo é ter confiança em si mesma. É ser verdadeira, é se amar, é saber que somos verdadeiramente merecedoras de viver um relacionamento amoroso bacana justamente porque somos seres humanos cheios de qualidades, e aí sim permitir que outra pessoa se aproxime do seu coração. A ideia é formar um círculo virtuoso: se ame para conseguir amar outra pessoa, e com outra pessoa te amando, você ama a si mesma e a ela ainda mais.

 

Perdoar

Em todos os relacionamentos ambos cometem falhas, se machucam mutuamente, dizem coisas que talvez precisassem ou não ser ditas. Mas uma vez que esses momentos passam, é horrível ficar revivendo essas experiências ruins, lembrando constantemente o(a) parceiro(a) dos seus erros. Saber perdoar e conseguir aprender com as situações difíceis é um baita aprendizado, mas é essencial para ser capaz de olhar para o relacionamento de maneira positiva, tendo compaixão e trazendo a melhor energia possível para o dia a dia.

 

Gostaram? E vocês, que aprenderam aos trancos e barrancos do relacionamento amoroso?

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
CONHEÇA A ADAMAS
VOCÊ PODE PAGAR COM
NOVIDADES ADAMAS
  • Black Facebook Icon
  • Black Pinterest Icon
  • Black Instagram Icon
ATENDIMENTO AO CLIENTE
ENTRE EM CONTATO